segunda-feira, 25 de março de 2013

danoninho, suissinho e outras coisas acabadas em inho

Quando a S. começou a comer iogurtes só lhe dava iogurtes naturais com fruta ou bolacha Maria. Nada de açúcar dizia eu. Depois chegou a fase da independência em que comer deixou de ser interessante para ela, um terror, por vezes deitava-se sem jantar, graças a Deus que é só uma fase e passa rápido, nessa fase comecei a dar-lhe danoninho, que rapidamente começou a ser o rosa.
De facto que fez este 'iogurte' sabia o que estava  a fazer, não só é atractivo para os miúdos como para os pais, tem uma consistência óptima para não se sujarem e quando já comem sozinhos é muito fácil pois a embalagem parece que foi desenhada para caber nestas deliciosas mãozinhas.

E foi assim que a mãe caiu nesta (eu nunca disse nunca). Achava estranho as mães insistirem em dar estes iogurtes cor de rosa aos seus pequenos, agora já sei porquê....Eles adoram!


4 comentários:

  1. o iogurte é bom mas esta menina é uma delícia ...

    ResponderEliminar
  2. Está uma querida e uma malandreca! Hoje estava um doce, para me derreter ainda mais usou as palavras mágicas 'mamã querida'!

    ResponderEliminar

hit counter